Filed Under:  Arte & Cinema

Sophie Charlotte vai pilotar moto, portar arma de fogo e ficar nua na telona

4th janeiro 2016  ·   0 Comentários

Atriz vai viver a valente Severina no filme ‘Reza a Lenda’. Ela revelou que não usou dublê nas cenas de sexo

Rio – Sophie Charlotte não teve nem tempo de curtir o casamento com o ator Daniel de Oliveira. É que poucos dias após a cerimônia, realizada no início do mês passado, Sophie estava no batente divulgando o filme ‘Reza a Lenda’, que estreia dia 21 de janeiro. Par romântico de Cauã Reymond na trama, a atriz vive Severina, uma mulher valente, que defende o amado durante uma missão no sertão nordestino.

Sophie Charlotte como a valente Severina%2C no filme 'Reza a Lenda'

Sophie Charlotte como a valente Severina%2C no filme ‘Reza a Lenda’

Foto: Divulgação

Ela pilota moto, porta arma de fogo e exibe o corpo desnudo na trama. “Não teve dublê nas cenas de sexo, achei bem tranquilo”, diz a atriz, que ri ao ouvir que ela já está acostumada a exibir a nudez na telona. Dublês somente em uma cena em que pilota o veículo de duas rodas. “Tinha que ter muita propriedade para sair levantando poeira daquele jeito. Fiz autoescola, mas ainda não tirei a habilitação de moto, falta a prova final. Não sei se sou boa motorista, mas sou prudente em relação à velocidade.”

O longa do diretor Homero Olivetto fala de crenças, e Sophie conta que se identificou com o enredo. “Sou uma mulher de fé, me casei na igreja. Acredito no poder da oração”, comenta ela, que não pôde curtir a tão esperada lua de mel: “Mas posso dizer que meu amor por ele (marido) só aumenta a cada dia”.

Sophie Charlotte faz par romântico com Cauã Reymond em 'Reza a Lenda'

Sophie Charlotte faz par romântico com Cauã Reymond em ‘Reza a Lenda’

Foto: Divulgação

Além da fé, o longa fala também sobre a crença no misticismo e no poder dos bruxos. “A curiosidade é inerente ao ser humano. Figuras como bruxas, oráculos sempre tiveram. Eu já tive contato com algumas coisas, mas nunca quis antecipar respostas da minha vida”, conta a atriz, que está grávida de um menino, seu primeiro filho.

Sem medo do perigo, Severina aperta o gatilho quando tem que atirar e coloca um canivete no rosto da rival Laura (Luisa Arraes), a ameaçando ao exigir que a menina fique longe de seu ‘macho’. As imagens de violência até fazem lembrar algumas cenas dos filmes de Quentin Tarantino. “O Homero tem muitas referências, mas o Tarantino é mesmo uma referência nos filmes de ação e, claro, sempre está na minha imaginação quando faço algo desse tipo”, assume.

Na vida real, Sophie garante não ter a rigidez de sua personagem. “A cena em que ela enfrenta a outra com um canivete é um rompante, mas, se for analisar, é o momento dela de maior fragilidade”.

Esse ano, ainda estão programados para estrear mais dois longas em que Sophie atua: ‘Tamo Junto’ e ‘Cenas de uma Vida Boêmia’. E, além dos lançamentos, a atriz vai querer mesmo curtir o filhote. “Rodei ‘Reza a Lenda’ em setembro de 2014, entre ‘Rebu’ e ‘Babilônia’. Acho muito legal poder lançar esse filme nesse momento da gestação e acho mais interessante ainda poder mostrar o contraponto, fazer essa personagem tão incrível e tão diferente de tudo que já fiz.”

Readers Comments (0)